Created with Sketch.
Susana Pinto

Casamento no Funchal: Cristina + Tiago, o amor é partilhado

Fechamos mais um ano de publicações de casamentos bonitos, próximos, emotivos, pessoais e que são o espelho de cada casal que celebra desta forma o mais bonito dos dias. Publicamos quase meia centena de histórias de amor e de partilha, cheias de abraços apertados, algumas lágrimas, sorrisos que não terminam e muitas emoções.
As nossas sextas-feiras são sempre mais ricas, mais especiais, somos também convidados dos nossos queridos noivos e esta partilha colectiva de informação, conhecimento e memórias é um acto de generosidade. Agradecemos de coração cheio, com a responsabilidade e a honra que merece.

O último casamento que publicamos em 2017,  chega-nos do clima tropical do Funchal, é a festa da Cristina + Tiago, pensada com tanto carinho e entusiasmo, a duas cabeças, para que o dia fosse, dizem eles, “a nossa cara, simples, descontraído, natural e genuinamente carregado de bons sentimentos.”

De Coimbra para o Funchal, com dedinho da Molde Design Weddings, da In Love Unique Weddings e toucado da Cata Vassalo, fechamos 2017 com a mesma convicção: “é mesmo isto!”.

 

 

 

 

 

 

 

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Imaginámos um dia que fosse a nossa cara, simples, descontraído, natural e genuinamente carregado de bons sentimentos. Queríamos que tudo fluísse naturalmente, sem grandes imposições, nem preocupações em cumprir protocolos. Acima de tudo, imaginámos um dia com muita energia positiva com as pessoas que nos são mais queridas, presentes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Foi, acima de tudo, um caminho muito divertido. Adorámos cada fase do planeamento do casamento e vivemos esses meses (foi quase um ano!) em clima de grande entusiasmo. Idealizámos todos os pormenores e preparámos tudo com muito carinho e dedicação. Claro que também foi um caminho com algum stress. Principalmente porque tivemos de organizar tudo à distância (vivemos em Coimbra e o casamento foi no Funchal, terra natal da noiva).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Acho que sentimos isso muitas vezes. Sempre que sentíamos o entusiasmo das pessoas à nossa volta com o nosso casamento. Sempre que tínhamos alguma ideia e a concretizávamos… Mas o autêntico “é mesmo isto”, fomos sentindo verdadeiramente ao longo do próprio dia do casamento, em que vimos tudo o que idealizámos a acontecer e a conseguir até superar as nossas melhores expectativas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

Sabíamos bem qual o estilo de casamento que queríamos e tinha que combinar connosco. Queríamos algo descontraído, emotivo, intimista e intenso.

O maior problema foi mesmo surgirem muitas ideias e ter um noivo que embarcava em todas as loucuras, sem nunca colocar um travão. Todos os pormenores foram pensados por nós e deu-nos um gozo tremendo executar algumas coisas, como os rótulos das garrafas de cerveja que tínhamos para o primeiro brinde, os missais, os livrinhos para as crianças e parte do estacionário. Também contámos com a ajuda das meninas da Molde Design Weddings que conseguiram captar muito bem o nosso estilo e desenvolveram peças lindas. O nosso cunhado Maligno também se revelou uma preciosa ajuda ao executar diversas peças em madeira que idealizámos. O resultado final não nos podia ter deixados mais felizes, e os elogios e sorrisos genuínos das pessoas não nos podiam ter deixado mais orgulhosos.

 

 

 

 

 

 

 

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Fundamental era conseguirmos estar com as pessoas e vivermos tudo com grande intensidade. Demos importância a tudo o que fazia sentido para nós.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais fácil foi desfrutar em pleno aquele maravilhoso dia. Para o noivo o mais difícil foi encontrar o “pantone” certo da gravata. Para a noiva foi encontrar os brincos. Para ambos, foi pagar a conta no final!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Tivemos vários picos sentimentais durante o dia. Mas se só pudessemos escolher um, escolheríamos o momento na cerimónia onde lemos um texto escrito por nós e que relatava metaforicamente a nossa história e onde demos graças pelo sentimento que estávamos a viver. Tivemos a sorte de ser o Padre Tolentino Mendonça a fazer a nossa celebração e foi um momento verdadeiramente emotivo, do início até ao fim. Desde as palavras sabiamente escolhidas, a toda a serenidade e sensibilidade que só ele nos consegue transmitir. É algo que vamos guardar para sempre como um momento mágico e único!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

E o pico de diversão?

A festa foi para nós tão divertida, que toda ela foi um longo pico, dando a sensação que estávamos nas nuvens. Mas a escolher um momento, escolhemos a loucura da nossa entrada na sala de jantar ao som da música “I was born to love you” dos Queen. Nada foi planeado, mas chegámos lá e foi como se disséssemos um ao outro “Isto é tudo nosso!”. Foi engraçado porque, tendo sido o casamento num hotel, vários turistas assistiram à nossa entrada, e deixaram-se também contagiar pela música e animação, fotografando e filmando o momento.

Mas tivemos tantos outros momentos. O discurso do noivo, num registo cómico-sentimental, deixou toda a gente a rir… A nossa primeira dança, que depois de tantos ensaios à porta fechada, saiu um pouco ao lado. Mas divertimo-nos imenso!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um pormenor especial…

A escolha da #bastaquesim logo que começámos a planear o casamento. Trata-se de um regionalismo madeirense, que exprime admiração por algo que aconteceu ou serve para quebrar o silêncio entre conversas. Foi engraçado porque, mesmo antes do casamento, os convidados interiorizaram o conceito e já se referiam ao nosso casamento como o “bastaquesim”.

 

 

 

 

 

 

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Não mudávamos nada. Talvez me tivesse preocupado um pouco menos com as flores e com a decoração e tivesse entrado na igreja um pouco mais devagar!

 

 

 

 

 

 

 

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Aproveitem e vivam com intensidade a fase de preparação do casamento. Apesar de dar muito trabalho e de a certa altura já não sabermos para onde nos virar, é tão bom sonhar e idealizar cada pormenor. É uma fase que deixa muitas saudades.

Não se deixem influenciar pelas opiniões das outras pessoas. O casamento é vosso e deve espelhar as vossas opções. E acima de tudo, não contem tudo, deixem algumas surpresas para o próprio dia. Ninguém viu o meu vestido e outros pormenores antes do dia do casamento. Foi difícil aguentar, mas valeu a pena!

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Molde Design Weddings, In love Unique Moments e os noivos;

espaço, catering e bolo dos noivos: Pestana Casino Park Hotel;

fato do noivo e acessórios: fato e botões de punho Dielmar; camisa Vicri; sapatos Aldo; gravata HolmesTies

vestido de noiva, sapatos e acessórios: vestido de noiva Inês Pimentel; sapatos Atelier Fátima Alves; brincos Juliana Bezerra Jewellery; toucado Cata Vassalo;

maquilhagem e cabelo: Ricardo Cecílio (Urban Hair Studio);

bouquet de noiva: A Tulipa;

decoração: idealizada e feita por nós, com a preciosa ajuda do nosso cunhado Maligno que executou grande parte dos materiais em madeira;

ofertas aos convidados: feitas por nós: um frasquinho de mel, da produção dos pais do Tiago;

fotografia e video: No Words Productions;

luzes, som e Dj: Xevents.

 

Marta Ramos

Sobre pessoas e emoções, por In Love

Na In Love | unique weddings desenha-se estacionário delicado para o casamento. A Inês Marujo e a Rita Pedro começam por conversar convosco e perceber exactamente aquilo de que precisam. Podem ser convites, menus e etc., mas pode também ser uma peça especial para o espaço do casamento, um presente espectacular para os convidados, adereços para photobooth ou um topo de bolo original. Ou outra ideia que vos surja – a In Love transforma as vossas ideias em peças únicas, exclusivas, desenhadas de raiz para vocês.
Para a Inês e a Rita, o seu trabalho não gira apenas em torno de casamentos e festas especiais. É um trabalho apaixonado e que se dedica às pessoas e às emoções. A dupla escolheu trabalhar nesta área porque se assume apaixonada por contar histórias de amor e por contribuir para a felicidade dos outros peça a peça, detalhe a detalhe, criação a criação. Orgulham-se de tratar cada cliente de forma única e especial. Todas as peças que criam são únicas – tal como o são todas as pessoas que as procuram. Vão buscar inspiração aos profissionais que mais admiram, na área dos casamentos, dos eventos e do design em geral, mas também à natureza e às suas vivências pessoais.
Olhando para o futuro, gostam de ver-se com serviços mais alargados, mais especializados e com uma equipa maior.

Olhando para hoje, gostam de ver-se exactamente como estão: apaixonadas pelo que fazem e empenhadas em criar peças e ambientes que contribuam para a concretização do dia de sonho dos casais que lhes pedem ajuda.

Para esta época de casamentos, a In Love | unique weddings lançou um vídeo de apresentação intimista e cativante, assinado por Hugo Sousa Films, e narrado na primeira pessoa. Em inglês, porque o seu público tem vindo cada vez mais a localizar-se além-fronteiras. Mas a mensagem que nos transmite é universal.

 

 

Não deixem de folhear todos os artigos que já publicámos acerca do trabalho da In Love | unique weddings. E falem com elas. A Inês e a Rita estão à espera de ouvir a vossa história para depois a contarem à sua maneira unique.

Marta Ramos

I Go Travel, In Love e Jukebox este sábado no Palácio de Seteais

O Hotel Tivoli Palácio de Seteais, em Sintra, abre as suas portas para um Wedding Atelier, no próximo sábado, dia 28, entre as 15h e as 18h30. Entre os participantes, contam-se três fornecedores seleccionados Simplesmente Branco:  I Go TravelIn Love | unique weddingsJukebox. Aproveitem o fim-de-semana bonito que se prevê e dêem um passeio até Sintra para conhecê-los ao vivo.

A I Go Travel tem uma equipa jovem, dedicada e totalmente focada em proporcionar aos noivos uma viagem de lua-de-mel única e inesquecível. Destinos paradisíacos ou grandes metrópoles, a vossa experiência começa aqui, com uma viagem criada à medida dos vossos sonhos e orçamento, com o maior profissionalismo.
Para além disso, podem também contar com os serviços da I Go Travel para vos ajudar na organização do casamento, nomeadamente no que diz respeito a tours, transfers e alojamento para noivos e convidados.

Na In Love | unique weddings desenha-se estacionário delicado para o casamento, a partir de templates personalizáveis em pequenos detalhes ou com layouts desenhados de raiz. A Inês Marujo e a Rita Pedro começam por conversar convosco e perceber exactamente aquilo de que precisam. Podem ser convites, menus e etc., mas pode também ser uma peça especial para o espaço do casamento, um presente espectacular para os convidados, adereços para photobooth ou um topo de bolo original. A In Love tem… e se não tiver, cria, especialmente para vocês.

Jukebox é produção audiovisual e animação musical de eventos. Mas também é diversão pura! A equipa técnica e artística da Jukebox excede sempre as melhores expectativas, com o seu profissionalismo, a sua criatividade e a sua dedicação. Além dos serviços musicais de DJs e Live Acts de Instrumentistas, dispõe dos recursos técnicos necessários para a produção audiovisual de qualquer evento – som, luz, imagem, estruturas e pistas de dança. A escolha é vossa.

 

 

 

 

Preparem-se para a visita dando uma vista de olhos nos artigos que já aqui publicámos sobre a I Go Travel, a In Love e a Jukebox. Aproveitem para tirar notas e depois esclareçam todas as vossas dúvidas com cada um deles, cara a cara – serão muito bem recebidos!

Fotos: In Love | unique weddings

Susana Pinto

Um casamento rústico lindamente descontraído: Filipa + Hugo

Em Setembro, o calor permanece e a luz é ainda mais dourada. O casamento rústico e docemente descontraído da Filipa + Hugo, na Ericeira, ilustra e confirma lindamente esta ideia.

Cores quentes e ricas, pontos de luz estategicamente colocados e uma decoração escolhida com muito gosto são a base deste casamento bonito, à imagem dos noivos, que sonhavam com uma festa descontraída, ao seu ritmo e gosto, mesmo com ideias desalinhadas dos habituais formatos.

O caminho até ao mais bonito dos dias fez-se com o profissionalismo impecável da Wedwings, wedding planner recomendada pelo Simplesmente Branco. Os convites e materiais gráficos ficaram por conta da In Love Unique Moments, o vestido leve da Filipa foi comprado na Vestidus, e as lembranças para os convidados são da Operação Nariz Vermelho, nossos queridos parceiros.

Uma mão cheia de boas escolhas, para um resultado tão bonito!

Sem mais demoras, votos de um óptimo fim-de-semana e deliciem-se com esta bela festa!

 

 

Vestido de noiva Rembo Styling na Vestidus

 

 

Vestido de noiva Rembo Styling na Vestidus

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Imaginámos, desde início, um casamento diferente, que fugisse ao “tradicional”.

Queríamos um casamento informal, com ambiente rústico, ao nosso gosto, e que não tivesse obrigatoriamente de seguir o protocolo a que estamos habituados nos casamentos.

Basicamente, queríamos um ambiente descontraído, mais familiar, que reflectisse o que somos como casal.

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Houve alguns nervos! Julgamos que no início ninguém está bem preparado para o casamento, existem sempre muitas ideias e pormenores para pensar e pôr em prática e que não queremos que falhem. Depois, hoje em dia, as fontes de inspiração são imensas e praticamente sem limite, o que torna ainda mais difícil fazer uma selecção e obter um fio condutor (desde a decoração, a convites, lembranças, etc).

Sabíamos, que como queríamos um casamento diferente, iriamos ter dificuldades em conseguir passar o que imaginámos para a realidade, também por isso optámos por procurar a ajuda de uma wedding planner, alguém com experiência que nos guiasse pelo caminho e nos aconselhasse às melhores decisões, e que pudesse reduzir os nervos e que nos ajudasse a tornar o nosso dia de sonho em realidade.

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Os momentos mais marcantes talvez tenham sido aqueles que para nós fugiam mais à regra do que é normal, mas que definiam aquilo que pretendíamos do casamento. Desde a escolha da quinta, que por si só já ia ao encontro do ambiente rústico que pretendíamos, passando pelo dia em decidimos que a cerimónia seria feita à nossa maneira, com um guião escrito por nós, mais simbólica e menos formal, de forma descontraída, e celebrada por um familiar, quando escolhemos o vestido e o fato… enfim, acabámos por ter vários momentos “é mesmo isto” ao longo da organização!

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado acabou por ir ao encontro do que tínhamos imaginado e em alguns pontos até superou as expectativas, muito graças à ajuda da wedding planner que fomos tendo ao longo da organização.

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

O mais importante para nós era que o casamento no seu todo fosse ao nosso gosto e não segundo o casamento-tipo que está padronizado, e que todas as pessoas se sentissem integradas no casamento. Por querermos um ambiente mais descontraído não era fundamental para nós tirarmos aquelas “fotografias-tipo” com os nossos convidados, no entanto no fim acabámos por tirar, tal foi a insistência!

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

Por incrível que pareça, a escolha do vestido da noiva foi o mais fácil, mas por sua vez a escolha do laço do noivo foi o mais difícil!

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

O “first look” e cerimónia, com os discursos dos padrinhos e dos pais e a troca de votos, sem dúvida.

 

E o pico de diversão?

Foi na altura da dança dos noivos, que mesmo com erros por causa dos nervos acabou por ser divertida, assim como quando fomos chamar os convidados para dançar.

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Um pormenor especial…

Não conseguimos apontar só um, porque tivemos alguns pormenores que para nós foram especiais.

Como queríamos uma cerimónia mais intimista, direccionada para nós, e celebrada por uma pessoa especial, escrevemos um guião e a cerimónia foi celebrada por um primo nosso, com discursos dos padrinhos e dos pais.

Os casaquinhos das meninas das alianças foram tricotados pela minha avó.

Tivemos uma fingerprint tree, uma espécie de livro de visitas, em que os convidados colocavam a sua impressão digital no lugar das folhas de uma árvore (que foi pintada por um amigo).

Montámos um bar de pipocas, com as melhores pipocas de sempre! Um segredo nosso mas que quisemos partilhar com todos e que todos adoraram.

Colocámos à disposição dos convidados mantas quentinhas, porque o final do dia, na Ericeira, está sempre mais fresquinho.

Por fim, tenho que falar da gambiarra de luzes que estava a decorar a sala de jantar. Sempre imaginámos a decoração com esse pormenor. Foi difícil, quase impossível, mas a Rita Soares Alves arranjou uma solução e fez-nos uma surpresa!

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Existem sempre coisas que gostaríamos de mudar, mas são pormenores que só nós reparamos. Se pudéssemos mudar alguma coisa seria talvez a hora de início da cerimónia, para uma hora mais cedo, ou a hora do jantar, para uma hora mais tarde, uma vez que tivemos um atraso.

 

Naked cake rústico com flores naturais

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Decoração de casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Organizar um casamento não é fácil, mas na grande maioria dos momentos, é muito divertido. Se puderem contratem alguém que vos ajude, porque assim é mais fácil tirarem partido de todo o processo!

Como vão perceber, a ideia inicial nem sempre é a que fica, mas acreditem que a final é sempre melhor! Não tenham medo de ceder em alguns assuntos, existem coisas que só nós reparamos e que passam ao lado dos convidados.

Mantenham-se fiel a vocês! Esta, para nós, foi a parte mais difícil, mas também a mais importante! As sugestões são muitas e das mais variáveis fontes (família, amigos…) e é difícil tentar agradar a todos! Esqueçam, isso não é possível! Mesmo que fizessem tudo como os outros dizem, há sempre alguém que vai torcer o nariz! Não liguem, faz parte! O melhor que têm a fazer é dar o “peito às balas” e fazerem do dia do casamento, o vosso dia! Como vocês desejam, mais tradicional ou mais alternativo, mais ou menos formal, com cerimónia religiosa ou simbólica, como vocês quiserem! Porque assim, e independentemente das críticas, vão poder lembrar o vosso dia, como sendo vosso e como vocês o imaginaram!

No final, o que importa é que estejam (e sejam) felizes!

E acreditem, a parte mais chata do dia do casamento é que passa demasiado depressa!

 

Bouquet de noiva rústico com cores de outono

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Casamento rústico na Ericeira com wedding planning de Wedwings

 

Lembraças para os convidados da Operação Nariz Vermelho

 

Bouquet de noiva com cores de outono

 

Os fornecedores envolvidos:

 

wedding planning e decoração: Wedwings by Rita Soares-Alves;

convites e materiais gráficos: In Love Unique Weddings;

local: Quinta dos Leitões;

catering: Morgadio Real;

bolo dos noivos: Susana Pinto Sweet Stylist;

fato do noivo e acessórios: fato, colete e camisa Ted Baker, laço  Mrs. Bow Tie;

vestido de noiva e sapatos: vestido Rembo Styling, na Vestidus e sapatos Rachel Simpson;

maquilhagem: Kitchen Make-up Boutique;

cabelos: Grace Hair & Beauty;

bouquet e flores: Flow;

lembranças para os convidados: Operação Nariz Vermelho;

fotografia e vídeo: Luisa Starling;

luzes, som e Dj: MCK – Animação e Produção de Eventos; Rancho Folclórico da Murgeira, Mafra.

 

Save

Save

Marta Ramos

Atenção: esta história é super romântica!

Há 10 anos, a Inês e o Nuno casaram em segredo. Estavam ainda na universidade e, como o amor deles era recente, sabiam que o mundo iria olhá-los de lado. E quem é que quer ser olhado de lado quando está feliz para lá do possível?

Só passado um ano é que a notícia foi revelada – e agora, passados 10, quiseram celebrar com flores, fotografias e um passeio pelas zonas de Lisboa que fazem parte da história do casal.

 

Pediram à Teresa, da Flor de Laranjeira, um bouquet e um acessório de cabelo com cores vibrantes. Diz a Teresa que «por ser mês de anémonas e ranúnculos a escolha foi fácil, juntámos mais uns cheirinhos da época e eis o resultado!».

Desafiaram a Raquel, da Atmosfia, para se lhes juntar no passeio pelas ruas da capital de máquina fotográfica em riste.

E os marcadores em papel são prata da casa, ou seja, In Love (sim, é essa Inês).

 

Conta-nos a Inês: «A ideia foi revisitarmos os locais que fazem parte dos nossos 10 anos: a Faculdade de Belas Artes, onde eu estudei; a Baixa e Rua da Conceição (onde demos o primeiro beijo!); Alfama, onde vivemos durante 5 anos (sem esquecer uma paragem na Ginginha); e o Miradouro das Portas do Sol, onde passámos tantas horas ainda em solteiros.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um turista gritou «she said yes, she said yes!»; outra pediu para fotografar a Inês. E assim se passaram umas belas horas, a reviver momentos preciosos e a espalhar magia pelos recantos de Lisboa.

Parabéns, Inês e Nuno!

 

 

Marta Ramos

Alfama Love Affair, uma história de amor iluminada

Esta é uma daquelas histórias que dá prazer contar. A In Love traz-nos uma sessão inspiracional rica em pormenores deliciosos e orquestrada por uma mão bem cheia de fornecedores SB e outros talentos (atentem nos créditos no final do post).

Diz-nos, então, a Inês: «A Laura e a Sarah apaixonaram-se em Londres há cinco anos anos. No ano passado viajaram até Lisboa para conhecerem a tão famosa luz desta cidade que se dizia ser de amor à primeira vista. E, no final do primeiro dia, já tinham decidido que era sob essa mesma luz e com a bênção dos encantos desta capital atlântica que iriam casar.
Numa Lisboa, capital da Europa, que cresce e se desenvolve reinventando e homenageando a tradição de um amor retratado nas festas de Santo António, o santo casamenteiro, e na força do fado.
Portugal e Lisboa enquanto cidade de vanguarda estão neste momento na linha da frente como destino gay-friendly.
Percorrendo as ruas de uma Lisboa tradicional, dos becos de Alfama, das sardinhas, do Santo António, dos manjericos, das quadras populares, da luz dos miradouros, apresentamos um casamento sofisticado de duas pessoas urbanas, focadas nos detalhes e nos momentos da celebração.»

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Créditos:

 

conceito, styling e estacionário: In Love Unique Weddings
planning: Wedwings by Rita Soares Alves
fotografia: Pedro Vilela
vídeo: FullCut
flores: Flor de Laranjeira
vestidos de noiva: Pureza de Mello Breyner Atelier
cabelo & maquilhagem: Vânia Oliveira & Daniela Pires
bolo: Susana Pinto Sweets Stylist
espaços: Palácio Vila Flor & Vamos ao Algarve
peças decorativas (com um especial agradecimento): Laboratório d’estórias

 

Susana Pinto

Vai uma bebida?

Há pouco falámos sobre cocktails de casamento, agora falamos do bar e de como comunicamos esse luxo festivo que é ter uma  (ou mais) bebida adulta a glamorosa – sim, porque se foi feito o esforço de pensar e criar algo tão especial para surpreender os vossos convidados, há que mostrá-lo, de forma claríssima e vistosa!

Ora espreitem:

 

 

 

 

 

 

 

Bonito e cumpre o propósito: informar, gerar conversa e facilitar o serviço de bar.

Fiquem a saber que tanto a Love Stories como a In Love Unique Weddings, dois dos nossos fornecedores seleccionados, são capazes de fazer umas placas assim de bonitas e estilosas para o vosso serviço de bar, só têm de escolher os cocktails de casamento com que vão surpreender os vossos convidados!

 

Imagens via Green wedding shoes, Mulberry Market Design, (uma loja Etsy), Paper Tangent (outra loja Etsy), Almost makes perfect (um DIY), Rocky Mountain Bride e Whimsical Wonderland Weddings.