Created with Sketch.
Susana Pinto

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol: Daniela + Ricardo

Hoje trazemos um casamento boho chic na Quinta do Hespanhol. E não é só um casamento, é mesmo uma festaça non stop a durar 17h!
Leram bem – este é o dia da Daniela + Ricardo, equipados de All Star e muito estilo, família e amigos presentes e uma celebração cheia de amor e uma felicidade contagiante, eléctrica e palpável.

O cenário é a centenária e sempre bonita Quinta do Hespanhol, que tomou as rédeas do evento – e muito bem! O vestido da Daniela, leve e perfeito para dançar e para acompanhar os seus confortáveis All Star, bem ao estilo boho chic que procurava, é da Vestidus, e os convites divertidos com as raspadinhas, têm assinatura da Amor à Portuguesa.

As fotografia belíssimas são da Fotolux, que, sem hesitar, acomodou o meu pedido de publicação.

Fechamos esta semana de festividades em grande – este casamento é a nossa cara, porque é a cara da Daniela + Ricardo. Que bonito que tudo isto é!

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Quando a resposta foi sim, imaginámos um dia descontraído, com muita diversão e muita natureza. Queríamos combinar um estilo country com boho chic, a simplicidade foi sempre o que tivemos em mente. Queríamos um ambiente claro, no meio da natureza, e tudo inspirado nos verdes, bejes e brancos. Quisemos fugir do tradicional e desde que começámos a falar em casar, sempre sonhámos casar de All Stars e estarmos confortáveis o dia todo, tal como os nossos convidados que aderiram aos All Star e ténis. Mas, acima de tudo, encarámos o dia do casamento como uma festa e celebração do nosso amor, com todos os amigos e família que fazem parte da nossa vida e desse amor.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Foi tudo muito calmo, decidimos planear tudo com 2 anos de avanço porque queríamos dar atenção a todos os detalhes, sem pressas, para termos tempo para pesquisar e escolhermos todos os nossos fornecedores. E não podia ter corrido melhor, tivemos os melhores connosco.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Nunca houve essa questão, sempre estivemos em sintonia em relação aos detalhes, decoração e pormenores. Sempre tivemos a certeza do que pretendíamos.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado foi mais do que fiel, todos os envolvidos captaram a nossa essência de forma surreal, tivemos imenso apoio de todos os nossos fornecedores com quem criámos ligações muito fortes e nos apoiaram imenso, fazendo-nos sentir seguros nas nossas escolhas, nunca tivemos receio ou incerteza sobre o profissionalismo e talento de todos. A Quinta do Hespanhol organizou tudo: decoração, catering, animadoras, babysiters, largada de balões e a conservadora. A Fotolux foi a nossa primeira escolha antes sequer termos a quinta ou tudo o resto, é incrível como traduzem fotos em histórias, a Pigmento Makeup, desde o primeiro dia e entre provas, esteve sempre disponível e, com um talento enorme, maquilhou-me e a todas as madrinhas, a tempo e horas, sem atrasos e de forma formidável, a Kombimania a quem requisitámos as duas carrinhas, uma verde para a noiva e madrinhas, e uma bege para o noivo e os padrinhos, e foram sempre muito prestáveis. A Manubela Cabeleireiros, mais precisamente a Bela, que tratou do meu cabelo, foi formidável, adicionou um toque à minha coroa como surpresa e não podia ter resultado melhor.

A banda Exilibris que animou a festa com imensa animação para além da música, a banda da cerimónia, músicos extraordinários. Como tenho o previlégio de ter dois primos com vozes maravilhosas que deram voz a nossa cerimónia e fizeram um concerto misturado com a cerimónia e animaram algo que normalmente não passa de um contrato, deram alma e vida aquele momento. A Vestidus que tem uma linha boho linda da Rembo Styling. A Amor à Portuguesa, que fez todo o design e impressão dos nossos convites com raspadinha, e menus que escolhemos com papel de sementes para os convidados poderem reaproveitar e plantarem como recordação do nosso casamento. A Iriscoimbra, que tratou dos leques e canetas recicláveis, tal como a placa para as meninas das flores, os sacos de presente para as madrinhas e os óculos personalizados tanto para nós, noivos, como para as madrinhas e padrinhos.

Enfim, estivemos com uma equipa de elite, como nós pessoalmente os chamámos.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Ter a Fotolux a registar o dia, aliás nós mudávamos de dia, se eles não tivessem disponibilidade só para os termos do nosso lado. O espaço e a comida, pois queríamos algo muito específico e a Quinta do Hespanhol tinha tudo o que queríamos para festejar com os amigos ea  família. E, claro, estarmos com todos os que amamos. Tudo foi importante para nós!

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

Não consideramos que nada tenha sido difícil, pois contámos com os melhores profissionais.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

O pico foi o dia todo, não houve momentos parados foi um casamento longo, começou às 14h e terminou às 7h30 da manhã seguinte, sempre com muita diversão, amigos e familiares dormiram na quinta tal como nós e juntámo-nos após 1h30 de sono, para tomarmos o pequeno-almoço. Mas, a nível emocional, foi sem dúvida o vídeo dos nossos votos, quisemos mais uma vez fugir da tradição e contámos com todo o apoio e arte da Fotolux, Pedimos para fazermos um vídeo dos votos de cada um em separado, num local à nossa escolha, e só nos reunimos no fim. A Fotolux tratou de toda a edição, e foi sem dúvida emocionante esperar até ao dia para vermos o que ambos tínhamos para dizer em forma de arte. Foi sem dúvida muito emocional para nós e para os convidados, uma choradeira, mas de muita alegria.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

E o pico de diversão?

Dia e noite, não parámos a festa até à madrugada, sempre com bar aberto e música !

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Um pormenor especial…

As nossas madrinhas e padrinhos juntaram-se e dançaram para nós, interrompendo a refeiçãoe surpreendendo toda a gente. Foi genial e muito engraçado ver todos a dançarem “Single Ladies” da Beyonce, colheres de pau no ar. Foi mesmo muito especial esse momento, pois não estávamos a espera.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Nada, não mudávamos nada, nem acrescentávamos nem tirávamos, foi um dia muito feliz das nossas vidas e dos nossos familiares e amigos, ainda hoje falamos do casamento com muita gargalhada e emoção. Foi simplesmente perfeito do início ao fim.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Casamento boho chic na Quinta do Hespanhol, com fotografia de Fotolux.

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Sejam fiéis aos vossos sentimentos, lutem sempre para concretizarem a vossa ideia, tirem inspirações do Pinterest e apresentem aos vossos fornecedores, e, acima de tudo, pensem que o mais importante é terem os vossos convosco e divertirem-se! Mesmo que algum pormenor não seja exatamente como queriam, ninguém vai reparar, pois só vocês sabem o que tinham planeado. Confiem nos profissionais, isso é muito importante para poderem usufruir de tudo sem preocupações, a única preocupação que devem ter no dia é vivê-lo, porque passa rápido e é para o resto das vossas vidas.

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Amor à Portuguesa;

espaço, decoração, catering e bolo dos noivos: Quinta do Hespanhol;

fato do noivo e acessórios: Elizabeth Videira, Armani e Converse All Star;

vestido de noiva e sapatos: Vestidus e Converse All Star;

maquilhagem: Rute Calçada – Pigmento Makeup;

cabelos: Manubela Cabeleireiro;

bouquet de noiva: A.L. Flores;

ofertas aos convidados: Iris Coimbra;

fotografia e vídeo: Fotolux;

luzes, som e Dj: Ex-Libris, Dj Fábio, Dj Bootyshaker, Soundsuite (banda da cerimónia).

 

Susana Pinto

Razão e coração: o destination wedding de Liza + Nick

O segundo casamento de Maio vem de fora: Liz + Nick, cidadãos do mundo, escolheram Portugal para casar e a sua dream team concretizou o mais épico dos dias.

Mostramos a versão curta desta festa belíssima e repleta de emoções, mas caso se apaixonem por tudo isto tanto quanto nós, peguem num lenço de papel e reservem 20 minutos para espreitar a versão completa, aqui.
O registo é de Hugo Sousa Films e a maquilhagem ficou a cargo de Kabuki Makeup by Rita Amorim.

Isto é tão, tão bom!

The most difficult was probably picking our venues without having been there in person. We never even visited Portugal before deciding to do our wedding there! We are easy going in some ways and with the Internet and photos, we were sure of everything when we booked. It’s the people that make the memories, not where you are. The easiest part was after we got there, met all our vendors, and visited the locations, we really knew everything was meant to be. Last minute we decided to live in Lisbon a month before the wedding and fell in love with Portugal even more, making us more sure about our decision to have our wedding there.

When the answer was “yes!”, how did you imagine your wedding day?
We got engaged in Bali. Travelling has become such a huge part of us as a couple, so we immediately knew we wanted a small and intimate destination wedding. We just didn’t know where, but we knew we wanted to be somewhere our friends and family would enjoy as well.

 

Did you feel prepared or was it a nerve-racking journey?
Planning something from far away is never easy (especially if it’s a wedding and you’ve never had to plan one before)! Once we had all the key vendors picked out we were able to relax for a bit until we had to start planning all the details right before.

 

At what point in the wedding planning did you feel, “this is for real”?
When we made deposits to venues and vendors and our friends started booking their flights!

 

Is the result true to the initial ideas or is it very different? Did you have any help?

We couldn’t be happier with how everything turned out and represented us as a couple. We found an amazing wedding planner from Lisbon, Nikolina of SplendidaWeddings, who took our vision boards and made our wedding day look exactly how we wanted. She fully understands the needs of the bride and groom individually but also who they are as a couple. She never strayed from our vision and was able to recommend other local vendors that were perfect matches to our needs and style.

 

What was fundamental to you? And unimportant?
The most fundamental aspect was that all our friends would have the time of their lives (and they did)! We just wanted to have fun and create lasting memories with our best friends and immediate family. In choosing a country, we also wanted to make sure we would have a proper Catholic mass in English. We would probably say what was least important were all the small details, yet we seemed to have those easily executed as well.

 

 

What was easier? And what was more difficult?
The most difficult was probably picking our venues without having been there in person. We never even visited Portugal before deciding to do our wedding there! We are easy going in some ways and with the Internet and photos, we were sure of everything when we booked. It’s the people that make the memories, not where you are. The easiest part was after we got there, met all our vendors, and visited the locations, we really knew everything was meant to be. Last minute we decided to live in Lisbon a month before the wedding and fell in love with Portugal even more, making us more sure about our decision to have our wedding there.

 

What was the sentimental peak of your day?
We did a “first look” and as suggested by our photographer and videographer, we wrote letters to read to each other. It was so great to have that moment between us before the ceremony without anyone else around.

 

And the peak of fun?
All the dancing and speeches! We had asked some people to write notes to us that we randomly had some read throughout the dinner reception. We probably had a record of 15 guests making speeches throughout the night! Our friends and family really love to dance and so do we! That night was magical!

 

Now that it has happened, would you change anything?
Not really! We never thought of the things that went wrong or what we could have done instead. We didn’t have any bridesmaid or groomsmen since everyone we invited would have basically been part of the wedding in some way if we did! We wish we took more photos with specific groups of friends and family if anything, but you don’t think to stop and do that when you’re just trying to live in the moment. Guess we’ll do some re-dos at our celebration in Palm Springs and San Diego.

We’re having 2 other celebrations this coming October for more friends and family!

 

Some words of advice for upcoming brides …
Pick your dress, be happy with it and DON’T LOOK anymore (even if it’s just for fun). Don’t worry about all the little stuff. If you find a really good planner (like ours), they will handle it all. Especially if you’re thinking of doing a destination wedding, a planner who is local is essential.

 

We did a “first look” and as suggested by our photographer and videographer, we wrote letters to read to each other. It was so great to have that moment between us before the ceremony without anyone else around.

 

Our selected vendors:

invitations and graphic materials: Ramon Gomez-Rodriguez for The Prince & The Proper;

venue: ceremony at Church of St. Mary Magdalena Turcifal, reception at Noah Surf House Portugal;

catering and cake: provided by Noah Surf House Portugal;

groom apparel and accessories: suit Theory; shoes Hugo Boss;

wedding dress and shoes: dress Noel and Jean Collection by Katie May; shoes by Jimmy Choo;

makeup: Kabuki Makeup by Rita Amorim;

hair: Steven David Rodriguez;

bouquet: provided by Surf Noah House Portugal;

decoration: sourced and styled by Nikolina of Splendida Weddings; some props & florals also provided by Noah Surf House;

favours: place cards: Lenka Calligraphy;

photography: Golden Days Photography;

cinematography: Hugo Sousa Films;

lights, sound, and Dj: Paulo Rodrigues Work DJ.

 

Se gostaram do trabalho do Hugo Sousa, espreitem aqui o que já publicámos sobre ele. E se quiserem conhecer melhor o trabalho da Rita Amorim, dêem uma vista de olhos nas suas publicações mais recentes.

Bom fim-de-semana!

 

Susana Pinto

Um casamento tradicional em Lisboa: Ana + Matthew

Chegamos a Maio, o mês das noivas, com um casamento tradicional em Lisboa, no Pestana Palace.

Hoje mostramos o dia bonito da Ana + Matthew, que casaram na Capela do Palácio Nacional da Ajuda, nos últimos dias de Setembro, quando a luz ainda é mais dourada e os dias ainda são longos e amenos.

Não costumamos ter por aqui casamentos assim clássicos. Mas são sempre festas bonitas, com um certo rigor e formalismo que respiram uma elegância muito própria, contida, e absolutamente intemporal. O casamento da Ana + Matthew é isto mesmo e nunca deixamos de ver os os sorrisos e as emoções a espreitar, nas imagens captadas pela dupla Foto de Sonho.

Vamos a isto?

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Quando a resposta foi “sim”, como é que imaginaram o vosso dia?

Imaginámos um dia feliz e com significado, rodeados pela nossa família e amigos mais próximos.

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sentimo-nos bastante preparados, porque casar já fazia parte dos nossos planos. O Matthew esperou para fazer o pedido de casamento numa altura propícia. Passámos por alguns momentos de ansiedade no que disse respeito às questões burocráticas, pois não vivemos em Portugal, mas no geral permanecemos calmos. Somos pessoas organizadas e focadas, contámos com a ajuda da família e amigos, e fizémo-nos rodear por pessoas competentes e experientes que nos ajudaram a concretizar as nossas ideias.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram “é mesmo isto”?

Realmente experienciámos um momento assim no dia em que visitámos o Pestana Palace Lisboa com a intenção de reservar o local para o copo d’água, e percebemos que fazia mesmo sentido ser ali. It ticked all the boxes for us! Depois simpatizámos imenso com a Filipa, a nossa coordenadora do evento, que foi muito rápida a perceber o que tínhamos em mente.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

O resultado é fiel às ideas originais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado foi fiel às ideias originais, pois procurávamos um local clássico e com uma história para contar, que representasse bem a tradição e herança cultural de Lisboa mas que ao mesmo tempo criasse espaço para a nossa expressão individual. Sim, contámos com a ajuda da coordenadora de eventos do Pestana Palace e com os conselhos de decoração da Green Leaf.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Era fundamental encontrarmos um local que correspondesse às nossas expectativas, que fizesse sentido para contar a nossa história e onde nos sentíssemos confortáveis. Para mim era igualmente importante encontrar bons profissionais em quem confiar os diferentes aspectos do dia. Todos os pormenores eram importantes para nós. Eu sou bastante detalhista.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais difícil é coordenar todas as decisões para que todas as peças do puzzle se encaixem no dia do casamento. Nesse momento, é importante confiar nas pessoas que escolhemos para as diferentes funções.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Esta é uma pergunta interessante para a qual temos respostas diferentes:

Matthew: quando eu entrei na igreja.

Ana: troca dos votos de matrimónio na cerimónia religiosa.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

E o pico de diversão?

A primeira dança, ao som da nossa música da Nina Simone.

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Absolutamente nada, tudo fez parte de um dia muito especial e cheio de memórias para a vida toda.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Eu diria que é importante ter em mente que o dia do casamento é vosso e tudo nesse dia deve fazer sentido, principalmente para os noivos, pois irá agregar às vossas memórias enquanto casal. Tentem aproveitar ao máximo cada etapa, organizar um grande evento pode ser muito divertido, eu adorei todas as fases! Por exemplo, criar uma ocasião especial para convidar as madrinhas e damas de honor é muito giro, ir escolher o vestido com a mãe e madrinhas é muito especial e escolher as alianças para a vida, com o noivo, também. Criem uma pasta no Pinterest com todas as vossas inspirações para o dia. Finalmente, aconselho as noivas a escolherem um vestido e sapatos com os quais se sintam bonitas, mas principalmente confortáveis!

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Casamento tradicional em Lisboa no Pestana Palace - fotografia de Foto de Sonho, fotógrafos de casamento.

 

Passem pelo site da Foto de Sonho para ver a reportagem completa.

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e material gráfico: Papier, UK;

espaço, catering e bolo dos noivos: Pestana Palace Lisboa;

fato do Noivo e acessórios: fraque Dielmar El Corte Inglés, Savile Row London;

vestido de noiva e sapatos: vestido Pronovias, sapatos Charlotte Olympia Designer Shoes;

maquilhagem: Ana Silva, Inês Mocho Academy;

cabelos: Pedro Valverde, Pandora;

bouquet de noiva e decoração: Green Leaf;

lembranças para os convidados: Relate Charity Bracelets, Porto Cálem;

fotografia: Foto de Sonho;

luzes, som e DJ: Pedro Polónio, Pestana Palace.

 

Susana Pinto

Noivos sabedores e um casamento doce: Joana + Jorge

Hoje temos a festa bonita da Joana + Jorge, pensada e vivida com dedicação e amor, desde o primeiro momento.

Sabedores do que queriam para o mais bonito dos dias, fizeram as suas escolhas com calma e confiança, e o resultado é reflexo disso: um casamento cheio de amor e uma festa memorável – a melhor das combinações.

Entre as suas escolhas de fornecedores, estiveram a dupla Lounge Fotografia e a dupla Vanessa & Ivo – filmes feitos à mão.

No photobooth amoroso, vão encontrar as ardósias da Susana Almeida, da Feliz é quem diz.

Fechamos a semana desta forma doce: leiam devagarinho e saboreiem as imagens.

Bom fim-de-semana!

 

 

 

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Muita coisa nos passou pela cabeça, mas a verdade é que o essencial nunca mudou: sabíamos que queríamos um dia que fosse a nossa cara, alegre, cheio de boas vibrações, simples, reconfortante e genuíno, que desse para desfrutar descontraidamente de cada momento. Queríamos que todos sentissem que este momento também era deles e partilhassem do nosso amor e da nossa felicidade.

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Para o passo a dar estávamos há muito preparados, pelo que ao longo da caminhada nunca nos sentimos particularmente ansiosos ou preocupados (tirando os últimos dias, por querermos que tudo estivesse conforme imaginámos). De resto, toda a preparação acaba por deixar um sentimento agridoce, de saudade, pois tudo foi vivido de forma intensa e cada escolha foi muito ponderada. Sabíamos bem o que queríamos e quem queríamos – e confiámos muito no trabalho de todos. No fim, todos se revelaram escolhas mais do que acertadas.

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

 

 

 

 

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

A cada decisão tomada fomos sentindo que tudo se estava a alinhar como desejávamos, mas o dia em que tudo clicou para nós foi a véspera do casamento, em que pudemos ver todas as peças e pormenores decorativos que estivemos a preparar com muito amor no seu local, no Solar. Ver concretizado tudo o que planeámos é uma sensação difícil de traduzir em palavras. “É mesmo isto”.

 

 

 

 

 

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado final superou muito as nossas expetativas. Claro que algumas ideias foram sendo abandonadas ao longo do percurso, mas no geral, foi bastante fiel às ideias iniciais. Foi espetacular perceber que todos os nossos fornecedores estavam na nossa onda e todos deram um contributo imprescindível para que o dia tenha corrido como correu. Aqui temos de realçar o trabalho da Gi dos Make My Day, que além de criativa e prática, foi muito paciente com as nossas dúvidas e descomplicou sempre as ideias mirabolantes que tínhamos; e da Ema e da Joana, do Solar de Vilar que foram inexcedíveis a enquadrar e transformar as nossas ideias em realidade. Além dos fornecedores, a família foi parte fundamental, sem a qual nada teria conseguido ser feito. Literalmente, porque se fartaram de trabalhar para ajudar a construir e montar o que idealizámos.

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

 

 

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Tentámos colocar um pouco de nós em todos os pormenores do casamento, por isso acabámos por dar importância a todos os detalhes. Queríamos não só criar um dia especial para nós, mas também que todos os convidados se sentissem parte do nosso mundo e se divertissem. Outro ponto fundamental era eternizar o dia nas fotos e vídeo dos nossos magníficos fornecedores.

 

 

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

A partir do momento em que escolhemos os Lounge Fotografia e os Vanessa & Ivo – Filmes feitos à mão, o casamento começou a ganhar forma, pelo que se pode dizer que foram as decisões mais fáceis. O mais difícil – e resolvido pouco tempo antes do casamento – foi a escolha da banda. Sabíamos que queríamos algo para acompanhar as entradas, mas não conseguíamos arranjar nada que satisfizesse. Até surgirem os Samba Sem Fronteiras, por sugestão do Renato dos MusicBox. E, de repente, tudo encaixou.

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Toda a cerimónia religiosa foi absolutamente única, pessoal e memorável. É difícil escolher um só momento, de tantos que nos vão ficar no coração. Outro momento que também nos é muito querido: o vídeo que fizemos para os convidados, para agradecer a sua presença nas nossas vidas.

 

 

 

 

 

E o pico de diversão?

O jogo do sapato, que foi tão divertido para os convidados como para os noivos! E, claro, vários momentos na pista de dança que serão para recordar por muitos anos…

 

 

 

 

 

Um pormenor especial…

É difícil escolher, porque tivemos apontamentos especiais um pouco por todo o casamento (da caixa do correio estilo Up!, aos corações de Azeméis que adornavam as mesas no Solar)… De todos, temos que realçar o cantinho para fotos ou photobooth. Foi idealizado e feito por nós, contando com muita ajuda dos nossos familiares e ficou perfeito, melhor do que alguma vez imaginávamos.

 

 

 

 

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Não mudávamos absolutamente nada. Se calhar, que o tempo tivesse andado mais devagar… passa tudo a correr quando estamos imersos no momento.

 

Lounge Fotografia - casamento Quinta de Vilar

 

 

 

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Organizar-se e planear com antecipação, porque diminui o nervosismo e os imprevistos são mais facilmente controlados. Procurar ideias um pouco por todo o lado – sítios como o Simplesmente Branco são sempre uma boa fonte de inspiração. Relaxar e aproveitar os preparativos e nunca esquecer o mais importante – no dia, somos um e nada mais importa.

 

Fechamos com o vídeo bonito da dupla Vanessa & Ivo – Filmes feitos à mão.

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Make My Day – Films & Styling;

local e catering: Solar de Vilar;

bolo: Capuchinha do Rossio;

fato do noivo e acessórios: fato do noivo Acorfato, sapatos Aldo, laço Monsieur Martinez;

vestido de noiva e sapatos: vestido de noiva St. Patrick (comprado na loja Teresa Macário Noivas, em Viseu) e sapatos de noiva Rainbow Club;

maquilhagem: Paula Pereira;

cabelos: Rosa Cabeleireiros (Rio de Loba);

barbeiro: Goodfellas Barbershop (Viseu);

bouquet: Jardim da Lena (Rio de Loba);

decoração: a meias entre a nossa família e o Solar de Vilar;

ofertas aos convidados: feitas com carinho pelas mães dos noivos (doces e almofadas de cheiro);

fotografia: Lounge Fotografia;

vídeo: Vanessa & Ivo- Filmes feitos à mão;

luzes, som e DJ: MusicBox Porto;

música do cocktail: Samba Sem Fronteiras;

animação infantil: Ânimus.

 

Susana Pinto

Casamento intimista na Quinta da Quintã: Joana + Vasco

Hoje celebramos um maravilhoso casamento intimista na Quinta da Quintã: é a festa da Joana + Vasco.

Parece feita às avessas, umas coisas primeiro que as outras, numa ordem que desafia o cenário habitual, mas vistas bem as coisas, que importância isso terá?

Uma festa de casamento celebra o amor. A forma como damos corpo a isso, é um detalhe à medida de cada casal. Mais elaborada e sofisticada, mais singela e intimista, mais divertida, mais emocional ou mais protocolar, são visões singulares dos noivos. No caso da Joana + Vasco, tudo é amor: dos pequeninos aos mais velhos, o fio condutor que liga e une todos é um imenso amor partilhado, feito de felicidade, abraços, sorrisos e algumas lágrimas.

Tudo lindo e tão doce, e a ajudá-los a pôr de pé este épico dia, estiveram a Quinta da Quintã e todo o seu staff impecável, a dupla de fotógrafos Menino conhece Menina, os Pixel ao comando do vídeo e se virem com atenção, vão descobrir um dos bonitos bastidores para as alianças, bordados com andorinhas, da Jubela.

Bom fim-de-semana!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

O “sim” foi quase “imposto” por mim, porque um dia decidi ir ver vestidos de noiva e, sem estar à espera, apaixonei me por um vestido, que comprei. Logo a seguir ligo ao Vasco a dizer “Vamos casar para o ano, já comprei o vestido!”.

Depois disto, e o Vasco já recuperado do susto, imaginámos que teria de ser mais do que uma celebração da nossa união, mas sim uma celebração da família que construímos com os nossos filhos e um dia que marcasse todos os nossos convidados!

“O melhor casamento de sempre”, “o mais emocionante”, “um dia marcante para a vida de todos”, foram algumas das mensagens que fomos recebendo nos dias seguintes à nossa festa. E nós sentimos o mesmo.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Sim, preparados! Começámos a namorar em 99, fizemos um intervalo longo e voltámos a namorar em 2012. Já tínhamos vivido juntos na primeira fase do nosso namoro, em Coimbra, onde estudámos os dois e novamente desde 2012. Agora, os nossos filhos foram os nossos convidados super especiais. Há sempre nervos na preparação de um evento tão grande e num dia tão importante como este, mas sentimos que se não tivéssemos filhos e tivéssemos mais tempo teria sido mesmo muito tranquilo todo o processo.

E claro, a gestão do orçamento também traz algum stress, porque há coisas das quais não queríamos mesmo abdicar. Assim, fomos gerindo o processo melhor que soubemos e no fim conseguimos ter tudo o que queríamos, como os nossos fotógrafos e videógrafos preferidos: os Menino conhece Menina e os Pixel. E ainda bem que não abdicámos da sua presença, porque o trabalho de ambos ficou incrível!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Todas as partes do processo foram importantes, mas nas reuniões com a Joana, o João e a Tânia, sentimos muita segurança e uma cumplicidade muito grande com eles, que sempre nos tranquilizaram garantindo que tudo iria ser como queríamos. Aliás queríamos casar de novo, pelo processo das reuniões, estar na Quinta com eles e rirmos com todas as ideias “inovadoras” do Vasco. Divertimo-nos bastante em todo o processo, mas principalmente com eles!

A semana anterior ao casamento também se revelou espectacular. Foi como um ensaio para o grande dia. Conversávamos os dois e dizíamos “ainda bem que decidimos casar, porque receber tanto carinho e amor está a ser delicioso”!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

Sim, muito fiel. O pessoal da Quinta da Quintã alinhou em tudo o que íamos planeando e ajudaram-nos imenso! Alinharam na nossa ideia de casarmos num laranjal da Quinta que não costuma ser usado para este efeito, alinharam na nossa entrada da sala de jantar pela cozinha com os nossos amigos a carregarem-nos em ombros, no flash mob que os nossos amigos preparam e que foi incrível e em muitos outros detalhes que fizeram da nossa festa um dia muito nosso! Confiei plenamente neles, mas no dia lembro-me de ter pensado que estava a ser muito melhor do que eu tinha imaginado!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

Fundamental era personalizar, emocionar e eternizar determinados momentos na memória de todos e não ser “mais um casamento”. Também tentámos que todos os nossos convidados percebessem porque estavam ali e que se sentissem especiais por partilharem aquele momento connosco, em especial os nossos pais e filhos, avós, irmãos, cunhada, mas também todos os amigos e restante família.

Sem importância era obedecer a “regras”, como oferecer uma lembrança. Isto, para nós, era um gasto desnecessário, que preferimos investir num filme feito pelos Pixel que passou no dia do casamento e que vai ser uma das mais belas recordações que guardaremos para a vida e para deixar aos nossos filhos. Ainda hoje nos falam desse vídeo.

A banda sonora de toda a cerimónia e o corte de bolo dos noivos também foram fundamentais para tudo se encaixar. Nos dias seguintes muitos amigos nos diziam que não conseguiam parar de ouvir as músicas e que com elas iam revivendo aquele dia tão especial.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

Eu sempre gostei de espreitar blogs e páginas como o Simplesmente Branco e já tinha na minha cabeça que se um dia casasse, queria que fosse na Quinta da Quintã, cos Pixel e os Menino conhece Menina, tornando tudo muito fácil. Numa semana tínhamos tudo definido, inclusive o vestido de noiva. Tivemos sorte por estarem todos disponíveis, e, a partir daqui, só tivemos de nos preocupar com os pormenores. O mais difícil foi o Vasco encontrar o fato que queria. Foi uma longa procura mas que também acabou por correr bem! Contou com a ajuda do alfaiate Ayres Bspoke Tailor e o processo da escolha do tecido, forro e provas também foi muito giro.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

Toda a cerimónia foi muito bonita, pela simplicidade e emoção à flor da pele, mas no final da festa ambos concordámos que o melhor momento foi o corte de bolo! Foi muito emocionante e bonito pelos discursos que dirigimos a todos os presentes num momento muito envolvente e tranquilo em que todos nos rodeavam no laranjal. Um dia, um amigo disse-nos que tinha sonhado que íamos todos viver um momento incrível num laranjal e este foi mesmo!! Muitos abraços, beijos, palavras de afecto e amor, lágrimas… Foi mesmo o pico sentimental do dia.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

E o pico de diversão?

Diversão à séria foi a coreografia inesperada, preparada pelos nossos melhores amigos e irmãos e que envolveu todos os convidados. Foi incrível, porque víamos os nossos amigos a dançarem com os nossos pais, os nossos tios mais velhos e os colegas de trabalho, tudo misturado, e não conseguíamos perceber como é que pessoas que não se conheciam tinham conseguido pôr 200 e muitas pessoas a dançar. Mal começou, a energia deles invadiu-nos e dançámos muitoooo!

Sentimo-nos duas crianças genuinamente felizes!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Um pormenor especial…

Durante a cerimónia quisemos homenagear os nossos avós, que já sabem o que é viver um Amor para a Vida Toda, com a ajuda da música da Carolina Deslandes. Abraçámos os avós em primeiro lugar e pedimos que todos abraçassem os seus amores naquele momento.

Este momento foi inspirado por uma missa Gospel a que assistimos em Nova York. Queríamos que as pessoas se movimentassem durante a cerimónia e não estivessem só a assitir, mas sim a participar e a reflectir sobre as suas próprias vidas.

Este momento terminou com um copo de champanhe e um brinde colectivo entre todos. Foi maravilhoso!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

O que não correu tão bem como tínhamos planeado foi o baile, mas já estávamos tão felizes que não alterou o nosso estado de espírito e o sentimento de que tudo estava como queríamos.

A Joana, da Quinta da Quintã, mais experiente, alertou-nos para isso, e devíamos ter seguido os conselhos dela.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Viverem o dia! Não sentimos que o dia passou a correr como muitos noivos dizem. Conseguimos saborear todos os momentos ao máximo, primeiro porque sabíamos que o nosso dia estava nas melhores mãos do mundo, a Joana, o João e a Tânia, e em nenhum momento do dia nos preocupámos com nada. Só vivemos intensamente o nosso dia de celebração.

Por isso, o melhor conselho, é investirem no mais importante e descomplicarem ao máximo!

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Casamento rústico na Quinta da Quintã, com fotografia Menino conhece Menina.

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: Filipa Viana, ilustradora + Joana Coelho (Quinta da Quintã);

espaço, decoração, catering e bolo dos noivos: Quinta da Quintã;

fato do noivo e acessórios: Ayres Bspoke Tailor, sapatos Camper;

vestido de noiva e sapatos: Rembo Styling (Borsini Noivas) Sapatos: Juliana Bicudo, Vila Madalena São Paulo, Brasil;

maquilhagem: Maria José, Secret Garden (Praia da Granja);

cabelos: Cabeleireiro Pente Novo (Praia da Granja);

bouquet: Célia (Quinta da Quintã);

fotografia: Menino Conhece Menina;

vídeo: Pixel;

luzes, som e Dj: Bizarros do Costume, Telmo Oliveira.

 

Susana Pinto

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva: Angela + Laurentiu

Fechamos a semana com dias de verão: é o casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, da Angela + Laurentiu.

Esta foi uma festaça, acreditem! Um dos meus luxos de editora é poder navegar pelas galerias completas e viver a festa como se fosse uma das convidadas. E este foi um casamento muito especial, cheio de gente feliz, descontraída, muito bem vestida e cool, miudagem feliz e à solta, e um sentido de estilo absoluto!

A pista de dança foi o ponto alto da festa, e a animação esteve a cargoa da Rituais. O estacionário e detalhes bonitos, é da In Love Unique Weddings, e o registo fotográfico, electrizante e peculiar como sempre, é da conta da dupla Menino conhece Menina, em grande forma.

 

Bom fim-de-semana!

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

When the answer was “yes!”, how did you imagine your day?

Well, assuming that there was a yes, is a bit of a jump! It would mean a question was asked…

When Laurentiu popped the ring, there were some very sweet and incoherent sentences in the mumbling that was going on, but definitely not a question, at least that we can remember. Not that is was needed, thought. It was clear we were the one for each other.

We started planning our day on that same evening, in Lanzarote, walking back to our rented flat. It was clear what we wanted: spend a good time with all our best friends and family without the hush rush that usually comes with wedding days.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Did you feel prepared or was it a nerve-racking path?

Can’t say we were prepared, as being married had never been on our life plans, so we had no preconceived ideas to go with.

However, by end of day one, we already had the “masterplan” in our heads. We knew what we wanted, and, most importantly, what we did not want. From that moment on, everything went as planned, even though we felt running a little out of time, when two weeks left for the big day we were still looking for some parts of the outfits we had in mind for the day. No stress.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

At what point in the wedding planning did you feel, “this is for real”?

Never. Even today, 6 months later, it still feels like: Is this for real? Are we really husband and wife? Oh yes!

 

Is the result true to the initial ideas or is it very different? Did you have any help?

100% as we wanted it to be: simple, fun and relaxed. No great conventions or protocol, just us with family and friends. Enjoying a fantastic weekend in the Algarve countryside, not too far from the coast, so we could go for a swim in the ocean.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

What was fundamental to you? And unimportant?

Fundamental: we wanted to keep it simple and spend time with our family and friends. We wanted everyone to feel comfortable and at home. If they wanted to be on flip flops, be it; if they wanted to be on tuxedo and fancy gown, be it as well. We wanted everyone to be as they felt like, to fully enjoy their time off with us.

Unimportant: the formality and etiquette.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

What was easier? And what was more difficult?

Easy: choosing the location. The day after the ring showed up, we had already decided to marry in Portugal in Pedralva. We found it by pure chance while browsing the internet. It was perfect. Unpretentious, with its rustic stone white walls and beautiful little cottages. We loved it. It was just us. A village where we were the locals, and where we could have everyone together, while still enjoying some privacy, with no TV, no internet and poor mobile reception. A place to “be in” and relax. Luckily, the weekend of September 23rd was the last one available, perfect. Booked!!!

Living abroad meant that we couldn’t do a lot ourselves, so we had wedding planners with whom was not always easy to get our message across: a simple wedding. But by far, the biggest challenge was to go through all the bureaucracy. For us to get all necessary papers to have a civil wedding was a huge task. After long queues on embassies and notaries, translations and flights to Portugal, we succeed. We got our moment of joy and celebration when we finally got the right papers in our hands.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

What was the sentimental peak of your day?

We had our song playing out a few times over the day: “I Follow River” by Triggerfinger, but it was only when the party was in full swing and the song came on again, that it hit me. For Laurentiu, when he saw me coming out of our little cottage holding hands with my father, at the sound of our song.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

And the peak of fun?

We had attempted to rehearse a few months before the wedding an electric swing dance, very unsuccessfully. So the time we wanted to show some skills, we totally forgot the steps and quickly had to improvise. I must say, we did it quite well and almost could be mistaken for professional dancers!

Or, if you prefer, the moment at the end of the ceremony, when we realized I had forgotten the bouquet in our cottage.

 

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

A special detail …

Everyone wrote us a letter that was posted to us at the end of the party, and, as we speak, we still receive postcards from our family and friends.

 

Now that it has happened, would you change anything?

On our way back home, impossible to avoid the thoughts: would have been better if we had done this, or that, but you know what? It was beautifully chaotic and genuinely full of laughs. Looking back, it could have not been better.

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Some words of advice for upcoming brides …

Plan the day for yourselves and not for what you believe others would want or expect. This is not easy, and we almost fell on that trap as well. At the end, we had to stop and think: it’s our day and we should enjoy it the most.

So be yourselves, all way through. Own your party, and have it as you dream it!

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Casamento descontraído na Aldeia da Pedralva, com fotografia de Menino conhece Menina

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites e materiais gráficos: In Love Unique Weddings;

espaço e catering: Aldeia da Pedralva;

cabelo e makeup: Jordana & Dorota;

boquet de noiva e decoração: Teresa Beja, Aldeia da Pedralva;

fotografia: Menino conhece Menina;

luzes e DJ: Rituais Eventos.

 

Susana Pinto

Casamento rústico em Alenquer: Neide + David

Hoje trazemos para vocês o casamento rústico em Alenquer, da Neide + David.

Oiço muitas vezes os fornecedores comentarem que têm os melhores noivos, que isto, que aquilo.

Mas na realidade, quem tem os melhores noivos sou eu! Genuínos, felizes, com um maravilhoso sentido de humor, cheios de emoções e envolvidos naquele que é o mais bonito dos dias.

Foi doce e perfeito o dia da Neide + David, e eles contam-vos como o fizeram acontecer. Para além da partilha e da celebração, era para eles fundamental que todo o dia fosse uma sucessão de bons momentos, muito animados, dos mais pequenos aos mais graúdos, e que essa sensação de felicidade fosse contagiante. E foi.

As fotografias são do Hugo Coelho Fotografia, a decoração ficou a cargo da Amor e Lima para o Páteo Velho e o vídeo é dos Pixel.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Quando a resposta foi “sim!”, como é que imaginaram o vosso dia?

Estava tão longe da ideia de casar, que em vez de um “Sim”, a resposta foi “ estás a brincar?!”. O nosso dia tinha de ser rodeado de amigos e família, num espaço cujo ambiente fosse leve, boémio e fresco como uma brisa de final de Verão. Era essa a nossa imagem. E assim foi!

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Sentiam-se preparados ou foi um caminho com muitos nervos?

Há sempre nervos, claro.  Entre o pedido e o grande dia, tínhamos apenas alguns meses. Os espaços já estavam com agendas preenchidas (e ainda bem para nós), o que nos levou a uma pesquisa mais demorada e ao encontro daquilo com que mais nos identificávamos. Com muita sorte, acabámos por encontrar as pessoas certas para que cada detalhe espelhasse a nossa personalidade.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Em que momento da organização do casamento é que sentiram, «é mesmo isto»?

Quando chegámos ao Solar de Pancas! Pela falta de datas disponíveis em todos os espaços que visitávamos, já ponderávamos deixar tudo para 2018. Quando descobrimos o Solar e fomos recebidos pelo Diogo, não foi necessário sequer tempo para pensar. Tinha de ser ali, pelo tons de verde, o jardim, as luzes, a escadaria, o tabuado em madeira das várias salas do solar, o peso leve daqueles 500 anos de história em cada canto… Depois tudo se encaminhou.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

O resultado é fiel às ideias iniciais ou muito diferente? Contaram com alguma ajuda?

O resultado é superior qualquer ideia inicial! Imaginem-se numa tela de Monet com toda a vossa família e amigos, ao som de Bossa Nova… Perfeito! As decisões foram todas tomadas por nós sem margem para “grandes opiniões externas”. Isso deu-nos muito prazer e divertíamo-nos imenso. Na execução de algumas coisas, contámos com ajuda, nomeadamente para os noivos do topo do bolo, feitos em croché pela mãe do David e a execução do photobooth com a ajuda do pai.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

O que era fundamental para vocês? E sem importância?

A presença dos convidados e que se lembrassem do nosso dia com um sorriso. É uma sensação única, tentar juntar no mesmo dia, pessoas tão importantes que passaram pelas nossas vidas, em momentos e lugares tão diferentes, que testemunharam o nosso percurso. Por isso, era tão importante para nós que se divertissem, que se envolvessem em cada momento e que sentissem que a sua presença era fundamental. Não há nada sem importância num dia destes.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

O que foi mais fácil? E o que foi mais difícil?

O mais fácil: Por incrível que pareça, o vestido de noiva – Obrigada, Joana! O mais difícil: encontrar o fotógrafo! Não há muitos “Coelhos” por aí…

 

Qual foi o pico sentimental do vosso dia?

A entrada na igreja, ver o David comovido no altar, ouvir a Ave Maria de Schubert na voz da Susana Duarte ao som do órgão com o Daniel Oliveira e a luz no interior da Basílica. Mágico.

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

E o pico de diversão?

A saída da igreja, tão colorida e emotiva, é um momento de descompressão e euforia ao mesmo tempo. Ah! e o momento de dança, durante a festa, treinado com as amigas. Inesquecível!

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Um pormenor especial…

É difícil de eleger um, quando tentámos que o nosso dia fosse repleto de pormenores, tanto para nós como para os nossos convidados. Talvez o carrinho de gelados artesanais da Nutwood com sabores do Oeste que refrescaram os convidados à saída da igreja, o Photobooth Home Made, a mesa de mensagens em Origami, o Palhaço Batatolas (Pedro Almeida) que deixou os pais descansado por largas horas, a maravilhosa voz em estilo Bossa Nova, da Madalena Botelho, a nossa entrada no jantar ao som do Super Mario… Ui… É difícil escolher um!

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Agora que já aconteceu, mudavam alguma coisa?

Nada! Só comprávamos menos sacos de gomas (entusiasmámo-nos e comprámos uns 13 kg!)

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Algumas words of advice para as próximas noivas…

Tirem prazer dos preparativos a dois e aproveitem o dia ao máximo. Criem momentos únicos para os vossos convidados, eles estão lá por nós. Não há detalhes menos importantes quando se trata de nós!

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

Casamento rústico em Alenquer, fotografia de Hugo Coelho Photography

 

 

Os fornecedores envolvidos:

 

convites: convites e missais feitos pelos noivos;

local: Solar de Pancas;

catering e bolo dos noivos: Páteo Velho;

gelados artesanais: Nutwood, Torres Vedras;

fato do noivo e acessórios: Ted Baker;

vestido de noiva e sapatos: vestido de noiva Joana Montez, sapatos Nero Giardini;

maquilhagem: Tânia Neves Makeup;

cabelos: Susy Cabeleireiros, Torres Vedras;

bouquet: Flores e Cores Florista, Torres Vedras;

decoração e materiais gráficos: Amor e Lima;

lembranças para os convidados: doces da Pêras e Companhia, Lourinhã;

fotografia: Hugo Coelho Fotografia;

vídeo: Pixel;

animação infantil: Batatolas – Pedro Almeida;

música da cerimónia: Susana Duarte (voz) e Daniel Oliveira (orgão);

música do cocktail: Madalena Botelho de Sousa;

luzes, som e Dj: Dj Rui Franjas